Travel to Madeira
comments 2

Nadar com Golfinhos na Madeira – Rota dos Cetáceos

Nestas férias de Páscoa, fizemos uma viagem fantástica, na Madeira.

A Rota dos Cetáceos é uma empresa de animação turística, dedicada à observação de cetáceos na Madeira. Oferece também a oportunidade (caso as condições de clima, visibilidade o permitam) de nadar com golfinhos. Só é permitido nadar com determinadas espécies de golfinhos, nomeadamente os golfinhos pintados e comuns.

Há já algum tempo, que os meus filhos me andavam a pedir para fazer esta experiência. Ao contrário do que eu julgava, não há mínimo de idade para participar nesta experiência. Crianças com menos de 5 anos não pagam, e entre os 6 e os 11 anos pagam 34,50€. Se nadarem com os golfinhos pagam 43€. Quanto aos adultos pagam 49,50€ e se quiserem nadar com golfinhos pagam 65€.

No verão (Junho a Setembro) existem 3 viagens por dia (08h45, 12h30 e 16h00), no inverno (Outubro a Maio) realizam-se 2 viagens por dia (9h00 e 13h30). Fizemos a viagem da 13h30.

Encontramo-nos no escritório do Marina Shopping, 15 minutos antes da hora de partida, para um pequeno briefing. A equipa de biólogas marinhas explicou-nos as medidas de segurança, a localização dos pontos de vigia na costa, as espécies de cetáceos que poderíamos encontrar e mais algumas instruções sobre o equipamento fornecido e regras de aproximação aos cetáceos.

A viagem foi feita a bordo de um barco semirrígido com 18 lugares, o que permite um contacto muito próximo com as espécies no seu habitat natural. A viagem de barco tem a duração de 2h30.

Se por algum motivo não se conseguirem avistar cetáceos, é dada a oportunidade de repetir a viagem sem custos extra, no entanto das cerca de 500 000 viagens já realizadas, em apenas 60 das viagens é que isso aconteceu. Felizmente, vimos vários golfinhos e até uma tartaruga!

A experiência:

O mar estava magnífico, mal se mexia. Estava um dia de sol quente. A sensação de flutuar no barco foi ótima e a visibilidade da costa, à medida que saímos da baía do Funchal, inesquecível. De um lado a linha do horizonte com as suas aves aquáticas, que nos fazem viajar mar adentro, do outro lado a costa sul da ilha, com os seus picos montanhosos, falésias, casinhas com telhados terracota e cúpulas das Igrejas.

No porto do Funchal, a grandiosidade dos navios de cruzeiro, e a beleza dos veleiros com os quais nos cruzamos, é memorável.É aqui que todas as viagens marítimas começam e acabam. Contam-se histórias nas pinturas dos murais da marina, sob os olhares curiosos dos capitães, de peles bronzeadas.

Olhares arrebatados são também os que se sentem na rota dos cetáceos. Os meus filhos espreitam pelos binóculos e avistam um grupo de golfinhos ao longe.

A excitação aumenta, cada vez que nos aproximamos de um grupo novo, até de uma tartaruga que parecia dormitar, embalada pelas ondas.

Há qualquer coisa no barulho do mar que nos anestesia, na cor do mar atlântico que nos pacifica e no movimento dos golfinhos que nos fascina.

Por fim, reúnem-se as condições para o esperado mergulho. Colocam-se as máscaras e os respiradores, entramos na água suavemente e agarramos numa corda do barco, com uma mão, para sermos guiados. Deixamo-nos ir até mais perto deles.

Lá em baixo, o silêncio é por vezes interrompido pelo som surdo do movimento das caudas e pelos inesquecíveis estalidos ou guinchos de contentamento que os golfinhos emitem. Sentimo-nos parte daquela família e de repente quase que somos um golfinho que viaja pelo oceano…

Foi uma viagem de sonho, de natureza, de golfinhos, de prazer, de sol e de mar – a não perder.

Para reservar este passeio visite o site.

À procura de alojamento na Madeira? Verifique as seguintes ofertas:


Booking.com

Este passeio foi cortesia da Rota dos Cetáceos mas as opiniões expressas são da minha autoria.

email

2 Comments

  1. ana cristina says

    gostaria de saber se tem algum horario destes 3 que sao oferecidos no verao com uma chance maior de avistar os cetaceos ou se isso nao faz diferençai e se o passeio do meio dia no verao e muito quente pois tenho 1 filho e meus pais sao idosos e desejam fazer o passeio

Deixe uma resposta